Dia da engenharia VDI Brasil-Alemanha

 

A Associação de Engenheiros Brasil-Alemanha (VDI-Brasil) vai realizar, no dia 23/10, no Auditório Tucarena (PUC), em São Paulo, a 11ª edição do Dia da Engenharia Brasil-Alemanha.

Com o tema Protagonismo e Agilidade para as Cadeias de Valor, tem como objetivo unir os principais atores da engenharia Brasil-Alemanha, conectando indústria, academia e governo para a discussão de temas importantes para a área.

Mais do que isso, o evento visa oferecer a maior plataforma de intercâmbio bilateral de engenharia, tecnologia e inovação, identificar temas sinérgicos entre os dois países, disseminar soluções inovadoras com potencial de escalabilidade e priorizar pautas relevantes para o fortalecimento da engenharia no Brasil.

O contexto temático deste ano coloca o engenheiro como protagonista da transformação da indústria e ele precisa ser capacitado de acordo com esse papel. Portanto, torna-se imprescindível o alinhamento de todos os atores da engenharia no Brasil em função desse objetivo em comum. Para isso, a adaptação de boas-práticas e soluções implementadas na Alemanha podem acelerar significativamente o processo. Como uma das maiores associações técnica-científicas da Europa, a VDI tem um papel fundamental na definição e disseminação de boas-práticas em engenharia junto ao sistema de inovação alemão.

No atual contexto de transformação digital da Indústria, a VDI defende a necessidade de uma visão holística de Indústria 4.0, considerando todas as mudanças tecnológicas, organizacionais e culturais a fim de atingir a agilidade como seu elemento central. Ao adotarem essa visão holística para implementar projetos de transformação digital, viabiliza-se a integração horizontal de empresas de uma mesma cadeia de valor e se potencializa a agilidade e competitividade globais.

Food Chain 4.0

Tratando de um exemplo estratégico no caso brasileiro, o painel 1 terá como foco a cadeia alimentar 4.0. No mundo inteiro, aumenta a demanda por alimentos cada vez mais sustentáveis, saudáveis, frescos e de alta qualidade. Ao mesmo tempo, tecnologias digitais em conjunto com biotecnologia e novos materiais abrem diversas oportunidades em todas as etapas, desde o plantio até o processamento final.

Com isso, a cadeia alimentar se torna um exemplo ideal dessa necessidade de aumentar a agilidade sistêmica como um todo, a fim de se adequar à demanda do consumidor. Fica a pergunta: como aplicar e integrar a inteligência adquirida ao longo da cadeia para aumentar a produtividade de forma sustentável?

O painel contará com a moderação de Silvio Crestana, ex-Presidente da Embrapa, e os renomados palestrantes Jonathan Krauss, da Fraunhofer IPT, Murilo Bettarello, da Nufflield Internacional, Rafael Dias, da Siemens, e Silvia Massruhá, da Embrapa Informática e Siemens.

Apresentação Projeto Connect#TeamVDI

Em dezembro de 2018, a VDI selecionou 10 estudantes de engenharia no Brasil e na Alemanha para um time internacional de projetos. Baseado no desafio de desenvolver uma solução inovadora para segurança alimentar, desenvolveram o projeto de forma autônoma ao longo de 12 meses. Durante esse período, tiveram oportunidade de se conhecer pessoalmente durante um workshop na Alemanha. Durante o evento, a equipe se reunirá em São Paulo para apresentar o protótipo final da solução desenvolvida.

Construindo cadeias digitais de valor no Brasil

O painel 2 terá como tema “Construindo cadeias digitais de valor no Brasil”. O conceito de Indústria 4.0 prevê a integração horizontal das cadeias de valor como principal elemento de valor agregado. Para que essa visão se torne uma realidade no Brasil, uma série de barreiras de capacitação, regulação, financiamento e direito de propriedade precisam ser superadas. Mas, como construir uma agenda nacional que viabilize a construção de cadeias de valor 4.0?

Com a moderação de André Wulfhorst, vice-presidente da VDI-Brasil e gerente sênior da Mercedes-Benz do Brasil, o painel também contará com os renomados palestrantes José Roberto Gusmão, da GLPI, e Thomas Vollmer, do Fraunhofer IPT.

Apresentação Estudos comparativos Brasil-Alemanha sobre a formação do engenheiro 4.0 hoje

Durante a feira de Hannover 2019, a VDI apresentou um estudo visando capturar o status quo das estratégias adotadas pelas universidades alemãs frente ao desafio de adequar o ensino de engenharia à Indústria 4.0. Como forma de complementar essa análise, a VDMA publicou, na mesma época, um estudo detalhando o perfil de demanda das indústrias alemãs em termos do perfil do engenheiro 4.0.

A fim de gerar uma base de dados comparáveis que permita a identificação de sinergias bilaterais, a VDI-Brasil, em parceria com a Associação Brasileira de Educação em Engenharia (ABENGE) e com a Centro Universitário FEI, está reproduzindo as principais questões dos estudos no Brasil. Os resultados preliminares serão apresentados, exclusivamente, durante o evento. Saiba mais aqui: http://www.vdibrasil.com/vdi-brasil-lanca-pesquisa-comparativa-sobre-o-ensino-de-engenharia-do-futuro-brasil-alemanha/

Formação do engenheiro 4.0 hoje

Baseado nos resultados apresentados, o painel 3 aprofundará a discussão com o tema a “Formação do Engenheiro 4.0”. A fim de exercer o papel de protagonista da transformação digital, é preciso capacitar os profissionais de engenharia no Brasil a altura dos projetos de repensar a formação de engenharia mundo afora. Para tanto, é preciso uma profunda análise dos desafios mais urgentes, bem como estratégias para se beneficiar de eventuais vantagens. Como aprender com a experiência de outros países para implementar o futuro da engenharia no Brasil hoje?

Wilson Bricio, presidente de honra da VDI-Brasil, fará a moderação do painel, que contará com os renomados palestrantes Patricia Ellen, Secretária de Desenvolvimento Econômico de São Paulo, Pedro Wongtschowski, líder da Mobilização Empresarial pela Inovação (CNI), Carlos Santiago, Chief Operating Officer da Mercedes-Benz e Sinésio Barberini, Head de Tecnologia da Automação da Klabin.

Entrega Prêmio VDI-Brasil 2019

No fim do evento, acontecerá a entrega do 5º Prêmio VDI-Brasil – Destaque da Engenharia Brasil-Alemanha, em que o atual ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, será o agraciado.

Tenente-coronel da Força Aérea Brasileira (FAB), engenheiro, astronauta e político, foi o primeiro astronauta brasileiro, sul-americano e lusófono a ir ao espaço, na Missão Centenária, em comemoração aos cem anos de voo de Santos Dumont no avião 14 Bis. Também partiu para a Estação Espacial Internacional (ISS) a bordo de uma nave russa com oito experimentos científicos brasileiros para execução em ambiente de microgravidade. Com o feito, tornou-se o primeiro brasileiro e quinto latino-americano a ir ao espaço. De 2011 a 2018 atuou como embaixador da Organização da ONU para o Desenvolvimento Industrial (UNIDO). Em 31 de outubro de 2018, aceitou o convite para ser Ministro da Ciência e Tecnologia.

Participe! Acesse para conferir a programação completa e fazer o seu credenciamento: http://www.vdibrasil.com/eventos/dia-da-engenharia-2019/