O projeto Carnaval 4.0 possui o objetivo de equalizar as informações sobre a Revolução 4.0 na nossa sociedade. Este tema surgiu como produto de discussões entre os autores do livro Automação & Sociedade: Quarta Revolução Industrial, um olhar para o Brasil. A Revolução 4.0 é um tema vital para o desenvolvimento do Brasil. Na visão do grupo de autores, o tema não alcançou ainda a prioridade merecida, devido a uma falha de entendimento, no qual a Revolução 4.0 é classificada como um novo buzzword. Neste sentido, apresentar o maior desafio da humanidade no maior espetáculo da terra pareceu uma boa ideia. Com a ajuda da Mercedes Benz o grupo conheceu a Rosas de Ouro e a ideia virou realidade com o enredo Tempos Modernos.

Durante a jornada neste projeto, foi percebido que inclusive dentro do meio acadêmico resistia em diversas áreas uma visão superficial sobre esta nova etapa do desenvolvimento humano. Esta visão o projeto está ajudando a mudar rapidamente. Espera-se que, com o Carnaval 4.0, o tema seja apresentado de forma lúdica para a sociedade, fomentando um debate sobre prioridades a serem estabelecidas. O projeto pode ajudar a priorizar discussões sobre temas urgentes como a melhoria da qualidade da educação, saúde, competitividade e geração de oportunidades de empregos.

Durante as discussões sobre o projeto foi estabelecida como meta a criação de experiências digitais para o carnaval. Várias experiências imersivas juntando arte e tecnologia estão sendo desenvolvidas em conjunto pelos artistas, pesquisadores e empresas provedoras de tecnologias.

Para desenvolver as experiências digitais foi formado um time amplo, estruturado em três subgrupos: delivery, suporte e gestão. O delivery das experiências está sendo feito por pesquisadores e alunos da USP, FEI, MAUÁ e INSPER, com apoio do IPT. Suportando tecnicamente o delivery com hardware, software e serviços: SIEMENS, DASSAULT SYSTÈMES, SACRINI, GRV, NOKIA, EPLAN, DASA, PTC, UR, STAUBLI, CONTRIC, LADDER, NOKIA, INFOSPHERA e QUANTUM4. Na gestão do projeto: SPI, PEOPLE+STRATEGY, ELOGROUP, CNC, ATTO, GRUPOTT, UMANTECH e N&DC. Além disto como apoio estratégico, além da VDI-Brasil, a AEA, ANPEI, e o patrocínio do Gs1.

O projeto Carnaval 4.0 é um exemplo do formato e do espírito das organizações deste tempo. Uma organização que se une ao redor de um propósito, pronta a acolher novos parceiros, sem uma estrutura de comando e controle e que valoriza a diversidade de opiniões.

Compartilhe isso:
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin